terça-feira, 16 de setembro de 2008

Os Teus Olhos


Tenho os teus olhos em mim
doces, brilhantes
felizes, radiantes
olhos negros
cheios de luz
penso e sinto
vejo e contemplo
assim os vejo
assim os quero
assim os tenho
porque pensa-los
é te-los
porque senti-los
é vê-los
porque tu
estás em mim
e eu fui feita para ti


Paula Minau

19 comentários:

Maria disse...

Às vezes é assim.
E quando é é muito bom....
Beijos

Xinha disse...

Por vezes nem precisamos de estar ao lado desse alguém que nos faz bater o coração, para que o possamos sentir ..

Linda declração !!

Xi-coração

Pearl disse...

Lindo esse olhar!

beijo

Anónimo disse...

Muito Bom.

Bjs

Girafa cor de rosa disse...

Lindoooooooooooooooo!! Obrigada pela partilha, ainda bem que voltaste. Bjs e que tudo te corra bem.

Anónimo disse...

Que felizardo deve ser esse homem de olhos negros para merecer o teu Amor!
bjs

Pecadormeconfesso disse...

Os olhos dela também são assim. Abraço amiga.

Joana disse...

Que sorriso tão bom que me surgiu ao ler-te :)
Que esse brilho seja cada vez mais intenso :)

Beijooo

Até já!**

Anónimo disse...

Tenho a sensação que este poema não tem como destinatário quem poderia parecer óbvio: o amor de uma mulher para um homem mas a intensisade e a incondicionalidade do poema, leva-me a pensar que foi feito para um filho... tenho razão?

suruka disse...

Através deles vejo-te a alma.

Bonito como sempre.
bjs

leonor costa disse...

Quando se ama, mesmo longe,o ser amado vive no nosso coração.

Bjs.

HOJE E AMANHÃ

Betty Branco Martins disse...

minha querida_______olá:)





as minhas férias____acabaram_______por agora:))






lindo



este olhar




que se traduz_______amor!










beijO_____C______carinhO

Amaral disse...

Não posso deixar de sentir um friozinho brilhante ante a graciosidade destes "teus olhos", que animam, que adoçam o sentir...

Nilson Barcelli disse...

Minau, este poema não é mau... é excelente.
Gostei imenso, é tão bonito.
Beijinhos.

Tentativas Poemáticas disse...

Teus olhos doces, brilhantes
Irrequietos, galdérios

Choram e riem distantes
Num fixo olhar de mistérios...

Conheci o seu nlogue e encantei-me. Lindo!
Parabéns.
Bjs
António

aflordapele disse...

Magnífico...!Simples e intenso...

Sei que existes disse...

Esse é o olhar do amor!
Beijo grande

Sei que existes disse...

Esse é o olhar do amor!
Beijo grande

Pearl disse...

uauuuuuuu

os olhos, as janelas...